Primeira Liga

Imprensa Colombiana, destaca estréia de Berrío com gol pelo Flamengo

A estréia do colombiano, Orlando Berrío, não poderia ser melhor.

Com menos de 20 minutos em campo, o colombiano, deixou sua marca, em belo toque de cabeça, balançando as redes do goleiro gremista. E a euforia que toma conta dos rubro-negros, em ver sua maior contratação neste semestre marcar, se espalha pelos quatro cantos da América do Sul.

Os principais portais sul americanos e colombianos destacam a boa estréia de Berrío.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios
Padrão
Primeira Liga

Berrío celebra estreia com gol e exalta torcida do Flamengo: ‘Espetacular’

O atacante colombiano Orlando Berrío não escondeu a felicidade com sua estreia com a camisa do Flamengo. Autor do segundo gol da vitória sobre o Grêmio, por 2 a 0, o atleta agradeceu a ajuda dos companheiros e fez questão de enaltecer a força da torcida rubro-negra.

Berrío prometeu muita luta e determinação nas próximas partidas para retribuir o apoio da galera.

“Estou muito contente por poder vestir essa camisa que representa tanto. E também pelo apoio da torcida, que é espetacular”, exaltou o estrangeiro, recém-chegado do Atlético Nacional.

O colombiano entrou durante o segundo tempo, no lugar do argentino Mancuello. Em um de seus primeiros lances, já balançou as redes dos gaúchos, definindo a vitória flamenguista.

O técnico Zé Ricardo também destacou a estreia de Berrío. Para o treinador, o atacante mostrou uma estrela muito grande. Na coletiva, o comandante admitiu que o novo reforço ainda se encontra longe da melhor forma, mas apontou que o colombiano mostrou qualidade, podendo ser uma boa alternativa para o ataque rubro-negro.

Em relação ao time, Zé Ricardo disse que, apesar de ter enfrentado a equipe reserva do Grêmio, o Flamengo mostrou força, já que o adversário contava com jogadores de qualidade e foi uma equipe muito organizada durante os 90 minutos.

“Vamos tirar boas lições dessa partida”, finalizou o treinador, que agora passa a preparar seu time para enfrentar o Botafogo, no Engenhão, em clássico válido pela quarta rodada da Taça Guanabara. Um simples empate garante a classificação do Flamengo à semifinal do primeiro turno do Campeonato Carioca.

Fonte: ESPN

Padrão
Primeira Liga

Escalação do Fla para jogo contra o Grêmio

O Flamengo estreia nesta quarta-feira (8) na segunda edição da Primeira Liga. Às 19h30 (de Brasília), o Rubro-negro enfrenta o Grêmio no estádio Mané Garrincha. O atacante Berrío, contratado ao Atlético Nacional-COL por R$ 11 milhões, será a novidade carioca no duelo.

O colombiano foi regularizado na última terça-feira (7) e viajou com a delegação. A tendência é a de que ele inicie no banco de reservas e faça a estreia no decorrer da partida. O técnico Zé Ricardo escalou o Flamengo com força máxima para encarar os reservas do Grêmio.

O técnico Renato Gaúcho decidiu fazer testes e não enviou nem um titular sequer para Brasília. Ele também não viajou. O time será comandado pelo auxiliar Alexandre Mendes. Curiosamente, o Tricolor Gaúcho tem três ex-rubro-negros na formação que vai a campo. O zagueiro Bressan e o atacante Fernandinho passaram recentemente pela Gávea.

O terceiro é o lateral direito Léo Moura, que fará a estreia pelos gaúchos. Depois de jogar dez anos no Flamengo, ele se transformou em desafeto da torcida ao acionar o clube na Justiça reclamando diferenças nos depósitos de direito de arena no período entre 2011 e 2015, além de horas extras e adicional noturno pelas concentrações do time antes das partidas.

Léo Moura já foi perseguido pelos torcedores no encontro entre Flamengo e Santa Cruz no último Campeonato Brasileiro e também sofreu com as vaias no Jogo das Estrelasque aconteceu em 28 de dezembro do ano passado.

Questionado sobre a opção do Grêmio em entrar com reservas na Primeira Liga, o capitão rubro-negro Réver minimizou o fato e afirmou que o Flamengo trata as competições com igualdade.

“O Grêmio é um time de tradição e está em um processo de preparação também. Cada competição tem um peso diferente e damos importância aos torneios que entramos para jogar. Acho indiferente para o Flamengo a questão de o Grêmio vir com uma equipe reserva. Para o atleta chegar ao Grêmio precisa ter muito talento e bagagem. Ninguém chega em clube grande por acaso. Precisamos ter muita atenção independentemente de ser o time A ou B do Grêmio”, encerrou.

FLAMENGO X GRÊMIO

Data/hora: 08/02/2017, às 19h30 (de Brasília)
Local: Mané Garrincha, em Brasília (DF)
Árbitro: Bráulio da Silva Machado (SC)
Auxiliares: Kleber Lúcio Gil (SC) e Berkenbrock (SC)

Flamengo
Alex Muralha; Pará, Réver, Rafael Vaz e Trauco; Romulo, Willian Arão e Diego; Mancuello, Everton e Guerrero
Técnico: Zé Ricardo

Grêmio
Bruno Grassi; Léo Moura, Rafael Thyere, Bressan e Cortez; Kaio, Arthur, Michel, Fernandinho e Everton; Bolaños
Técnico: Alexandre Mendes

Fonte: UOL

Padrão
Primeira Liga

Venda de ingressos para duelo contra o Grêmio, em Brasília

O Flamengo iniciou as vendas para os seus sócios-torcedores nesta quinta-feira, para o duelo contra o Grêmio, pela Copa da Primeira Liga. Duelo será na próxima quarta-feira, no Estádio do Mané Garrincha, em Brasília. As vendas de entradas para a partida foram iniciadas nesta quinta-feira para membros do Programa Nação Rubro-Negra com preços a partir de R$ 15.

O valor mais baixo é para meia-entrada no setor Cadeiras Hospitalidade Popular, para os sócios dos planos de sócio-torcedor a partir do Raça. A inteira custa R$ 30. No setor de Arquibancada Superior, onde ficam as organizadas do Flamengo, os valores são de R$ 80 para o público geral, R$ 60 para os sócios do plano Tradição e R$ 40 para sócios dos planos Raça ou superiores.

Bate Bola da Verdade – Flamengo x Macaé

Flamengo x Macaé

Zé Ricardo vê evolução no Fla

Também irá ter um setor misto, na arquibancada superior, para o público em geral, custando R$ 100, assim como o setor destinado à torcida do Grêmio. Todos os ingressos que estão à venda têm direito da meia-entrada, na hora da compra.

Vale lembrar que Flamengo e Grêmio fizeram uma partida marcante no Brasileiro do ano passado em Brasília. O confronto marcou a estreia de Diego no Rubro-Negro. E o camisa 35 teve uma grande atuação, marcando um gol, na vitória da equipe carioca sobre os gaúchos por 2 a 1. Na ocasião, mais de 22 mil torcedores foram ao Mané Garrincha assistir à partida.

Preços

Arquibancada superior – torcida organizada do Flamengo
– Público geral e sócio-torcedor Nação Jr: R$80 (R$40 meia)
– Sócio-torcedor Tradição: R$60 (R$30 meia)
– Sócio-torcedor Raça e superiores: R$40 (R$20 meia)

Arquibancada superior – setor misto
– Público geral e sócio-torcedor Nação Jr: R$100 (R$50 meia)
– Sócio-torcedor Tradição: R$80 (R$40 meia)
– Sócio-torcedor Raça e superiores: R$50 (R$25 meia)

Cadeiras inferiores – torcida do Flamengo
– Público geral e sócio-torcedor Nação Jr: R$120 (R$60 meia)
– Sócio-torcedor Tradição: R$90 (R$45 meia)
– Sócio-torcedor Raça e superiores: R$60 (R$30 meia)

Cadeiras hospitalidade popular – torcida do Flamengo
– Público geral e sócio-torcedor Nação Jr: R$60 (R$30 meia)
– Sócio-torcedor Tradição: R$50 (R$25 meia)
– Sócio-torcedor Raça e superiores: R$30 (R$15 meia)

Arquibancada superior – torcida organizada do Grêmio: R$100 (R$50 meia)

João Venturi traz notícias do Flamengo

Zé Ricardo e Diego falam da vitória sobre o Macaé

Pontos de venda físicos

Loja Flamengo – CLS 308 BL D Loja 30 Asa Sul ( Dia 04/02 de 10hs às 17hs – DOMINGO NÃO ABRE – Dias 06 e 07/02 de 10hs às 17hs )

Loja Globo Esporte CO9 Lote 7 Loja 01 – Taguatinga Centro ( Dia 04/02 de 10hs às 17hs – DOMINGO NÃO ABRE – Dias 06 e 07/02 de 10hs às 17hs )

Torcedor Futebol Clube CLS W 304 Bloco C Loja 26 – Sudoeste ( Dia 04/02 de 10hs às 17hs – DOMINGO NÃO ABRE – Dias 06 e 07/02 de 10hs às 17hs )

Bio Mundo – Conjunto Nacional, Asa Norte / Conjunto A. 1° piso. ( Dia 04/02 de 10hs as 17hs – DOMINGO NÃO ABRE – Dias 06 e 07/02 de 10hs às 17hs )

Bio Mundo – 105 sul – SCS Qd. 8 – Asa Sul ( Dia 04/02 de 10hs às 17hs – DOMINGO NÃO ABRE – Dias 06 e 07/02 de 10hs às 17hs )

Estádio Mané Garrincha – Bilheteria 17 ( Dias 04,05,06 e 07/02 Das 10hs às 17hs. ( No dia 08/02 dia da partida, no container na parte externa do Estádio, das 10hs até o final do 1º tempo)

Sede do Flamengo – Av. Borges de Medeiros 997 – Gávea ( Dias 04,05,06 e 07/02, das 10hs às 17hs.)

Mane Garrincha será o palco da estreia do Fla na Primeira Liga(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)
Mane Garrincha será o palco da estreia do Fla na Primeira Liga(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)

Fonte: LANCE!

Padrão
Primeira Liga

Primeira Liga irá de janeiro a outubro de 2017

A Primeira Liga divulgou nesta quinta-feira o formato da segunda edição do torneio. A competição será disputada em quatro fases, entre 22 de janeiro e 8 de outubro. Na primeira, quinze clubes formarão três grupos de cinco times cada. Oito deles vão à segunda fase. Depois, as equipes se enfrentam em sistema eliminatório, em jogo único.

Como cada equipe disputará quatro jogos na fase inicial (dois como mandante e dois como visitante), a competição terá oito datas.

Com disputa por nove meses, a Copa da Primeira Liga entrará em conflito de datas com Estaduais e a Copa do Brasil, além de data Fifa. As duas primeiras rodadas serão disputadas ainda durante a pré-temporada. As três seguintes nos mesmos dias de Copa do Brasil (uma rodada) e Estaduais (duas rodadas).
O torneio terá uma paralisação de cinco meses. Os últimos jogos da primeira fase serão disputados no fim de março, enquanto as quartas começarão em 30 de agosto, em data Fifa, assim como a semifinal (3 de setembro) e a decisão (8 de outubro).
Segundo a Primeira Liga, a composição dos grupos será definida em sorteio. Nele, os 15 clubes serão separados por estado. Haverá confronto direto entre catarinenses na primeira fase.

A competição terá a presença de Fluminense, atual campeão, Flamengo, Cruzeiro, Atlético-MG, Inter, Grêmio, Avaí, Figueirense, Criciúma, América-MG, Chapecoense, Joinville, Paraná Clube, Londrina e Brasil de Pelotas.

Flamengo envia orçamento de 2017 com limite para reforços

EBM: “Vamos renovar com Márcio Araújo”

Inclusão do Flamengo vira crise entre Globo e organização da Florida Cup

Saídas

Na última terça-feira, Coritiba e Atlético-PR anunciaram o rompimento com a Primeira Liga. O clube alviverde disse que o desacordo ocorreu por causa da divisão de cotas no grupo que compõe a organização da competição.

Mário Celso Petraglia, presidente do Conselho Deliberativo do Atlético-PR, listou uma série de motivos que resultaram na saída do clube e citou a “mudança de todos os princípios e as razões por que ela (Primeira Liga) foi criada, além da “deturpação principalmente daqueles que têm interesse em seus Estaduais”.

No ano passado, a primeira edição teve a participação de 12 clubes, também com três grupos. A segunda fase, porém, começou na semifinal, com jogos únicos – no total, foram cinco datas. Com a saída de Coritiba e Atlético-PR, cinco clubes entraram na competição: Chapecoense, Joinville, Paraná Clube, Londrina e Brasil de Pelotas.

Confira as datas:

Primeira fase
22/1
25/1
1/3
22/3
29/3
Quartas de final
30/8
Semifinais
3/9
Final
8/10
Padrão
Primeira Liga

E foi assim, certo?

Alguns vão dizer que o único interesse do Flamengo nessa competição era o retorno financeiro, que no início de ano, onde se disputa apenas campeonato carioca, sempre possibilita um rendimento muito maior.

Com alguns clássicos nacionais e muitos jogos interessantes, realmente a Copa da Primeira Liga, deu o retorno financeiro esperado.

Mas era só isso? Era só o retorno financeiro?

E os torcedores, estavam torcendo pelo que? Pelo dinheiro ou pelo título?

Certamente o torcedor mais consciente, sabia da importância financeira dessa copa, mas gostaria de ver o time campeão.

Ok, não deu! Mas o time lutou, teve raça, vendeu cara a derrota e não deu. Saiu de campo aplaudido pelos torcedores presentes em Juiz de Fora. jogadores cabisbaixos, com lágrimas nos olhos e garantindo que foi apenas um lapso de uma temporada que, sabem será vitoriosa.

Nosso treinador, estava p na coletiva pós jogo. Disse que terá que fazer um grande trabalho para elevar o moral do elenco, que está em frangalhos no vestiário.

Os mais velhos, com olhos vermelhos, animam os mais novos dizendo que terão nova oportunidade para vingar esse título, que o ano ainda não acabou, que precisam ir com tudo no sábado para atropelar o pobre time do Volta Redonda, que iniciaremos ali, a corrida por todos os títulos que ainda restam para disputar.

Os torcedores, aguardam debaixo de uma tórrida chuva, do lado de fora do estádio, aplaudindo e entoando cânticos de apoio a equipe.

É possível ouvir dos vestiários, os milhares de torcedores cantando o hino do clube.

A coletiva do treinador, é interrompida várias vezes, por gritos de apoio da nação rubro-negra.

E o time sai com as janelas do ônibus abertas, acenando para os torcedores, jurando amor, pedindo desculpas em meio as lágrimas que escorrem nos olhos, agora pela emoção do apoio e pelo reconhecimento da entrega que os gigantes representantes desta imensa nação tiveram em campo.

E foi assim, certo?

SRN.

Padrão
Primeira Liga

Flamengo 1×1 Figueirense

Em jogo empolgante por vários motivos, Flamengo e Figueirense empataram em 1 tento para cada lado.

Jogo muito bom para testar o toque de bola que Muricy trabalha há semanas. Muito bom para testar a paciência do escrete rubro-negro (uma vez que o time do Figueirense colocou sempre 11 jogadores atrás da linha da bola) e melhor ainda para observar o entrosamento e a movimentação do camisa 10 do Fla.

ESQUEMAJOGO.fwO time de Santa Catarina, veio fechadinho, com o propósito de encontrar brechas e encaixar um rápido e fatal contra ataque (na verdade dois, pois a equipe do técnico Vinícius Eutrópio, precisava de dois gols para ainda sonhar com a classificação), o que dificultava muito ao Flamengo a armação do jogo e mais ainda a sua penetração. Entretanto o time do Figueira, agredia pouco, cercava muito, mas deixava o Fla jogar.

O time rubro-negro se comportava bem, a defesa estava até então muito segura e ajudava nas saídas de bola. O ataque, pela forte marcação, não conseguia se locomover muito, o que impedia as tentativas de infiltração.

O Figueirense obrigava o time do Flamengo a tocar muito, a rodar demais a bola, e numa das recuadas de bola para a defesa, Wallace vacilou na proteção, Paulo Vitor teve seu segundo de apagão possibilitando o roubo da bola e o gol do Figueira.

É inadmissível que o Fla ainda dependa de um zagueiro do naipe de Wallace e o pior, que este ainda seja capitão do escrete rubro-negro. É bem verdade que tirando essa falha “bisonha”, o zagueiro não se comprometeu mais, mas grandes jogos são decididos em detalhes e em falhas individuais. E a torcida não tem mais paciência, vaiou o zagueiro pelos minutos seguintes, até que Éderson e Guerrero salvaram sua pele. O goleiro rubro-negro, num claro miguézão, tentou argumentar uma falta com o juiz, mas sinceramente, foi um vacilasso dos dois.

Se lá trás Wallace e Paulo Vitor não se entendiam, Éderson percebendo que no toque de bola seria praticamente impossível furar o bloqueio criado pelo Figueira, arriscou grande jogada individual, que resultou em três defensores no chão e um passe (ok meio sem querer), pra Guerrero, que ajeitou e com calma da entrada da área e deu números finais ao placar.

gol

Dai por diante o Flamengo deu grande demonstração de belas jogadas pelo meio e pelas laterais. Como sempre, a maior efetividade do lado direito.

Com exceção de Wallace, o elo fraco do lado direito do Fla, os demais jogadores se entrosaram de tal maneira, que arrisco a dizer que temos o lado direito mais forte do Brasil. Arão, Rodinei e Cirino, fizeram quase tudo certo, criando várias oportunidades e lances de muita expressão. Éderson, co muitos passes de primeira, também conseguiu se manter no mesmo níveis dos três aqui citados.

Guerrero pra mim, fez um de seus melhores jogos desde que chegou ao Fla. Ok, fez apenas 1 gol, mas se movimentou muito, driblou, deu passes, chutou bolas com perigo, tabelou, jogou leve, solto, enfim, foi perfeito.

Emerson Sheik, perdeu dois lances claros de gols, e no restante do jogo foi praticamente engolido pela marcação, assim como Jorge.

Mas o meu objetivo principal neste jogo, era observar de perto a movimentação de Éderson. Sempre ouvi amigos dizendo que ele era craque, que ajudaria muito o Fla, mas sempre fui muito desconfiado. Pois essa desconfiança acabou. Não! Éderson não é craque, mas é um jogador diferenciado, acima da média. Se movimentou muito, deu passes magistrais, correu bastante, errou pouco, ajudou na marcação, deu o passe pra gol e o mais importante, tomou muita porrada.

Sim pra mim, além de tudo que citei acima, era importante vê-lo tomando porrada. Queria ter certeza que não teríamos mais um caso de jogador chinelinho, que entra e sai do departamento médico, sempre deixando a torcida com um gostinho de quero mais.

Foi bom ver que se recuperou e que seu futebol vai dar muito trabalho para Muricy montar o time. Mancuello vinha muito bem, até mais efetivo do que Éderson (hoje). Mas o brasileiro já deu demonstrações de sua técnica antes, e hoje completamente recuperado de suas lesões, é um sério candidato a assumir uma vaga no time titular do mengão.

Posso fazer uma apostinha? Aposta na saída de Emerson Sheik e na manutenção de Mancuello e Éderson no time, sempre no esquema do 4-3-3, com ambos se revezando na armação e no posicionamento.

E por falar em revezamento de posições, vou terminar este post, escrevendo sobre Cuellar e Willian Arão. Como jogam fácil, como se entendem em campo. Hora um sai e o outro volta, hora o outro faz o inverso. Perfeitos nas coberturas, na distribuição de bola e no entrosamento. Cuellar quase cometeu um penalte num lance infantil em que ele mesmo perdeu a bola, mas não passou disso, um susto.

Gabriel entrou no lugar de Éderson e para a surpresa do blogueiro que vos fala, fez um bom jogo. Com jogadas rápidas e dribles precisos, Gabriel armou duas boas jogadas de gol, em uma delas chegou a carimbar a trave com um belo chute.

Muito bom o jogo de hoje, pois teve todas as dificuldades que certamente o Flamengo encontrará no decorrer da temporada.

Classificados às semi-finais (a Primeira Liga é um torneio de 5 datas), o Flamengo aguarda o término da rodada para saber quem irá enfrentar. E podemos ter um Fla x Flu nas semis, é aguardar para ver…

Agora é voltar as atenções para o carioca que se inicia de vez neste final de semana e torcer para que o vôo de volta do mengão seja bem tranquilo.

SRN.

Padrão