Florida Cup

Fla não disputará Florida Cup

O Flamengo confirmou no início da tarde desta segunda-feira o adeus a Florida Cup, torneio de pré-temporada que será disputado em janeiro de 2017 nos Estados Unidos. Na mesma oportunidade, o Rubro-Negro garantiu ainda que fará todo o trabalho de pré-temporada no Rio de Janeiro. Confira a seguir a íntegra da nota.

Resultado de imagem para florida cup

“O Clube de Regatas do Flamengo informa que não poderá participar da Flórida Cup 2017. Devido ao trágico acidente com a delegação da Associação Chapecoense de Futebol, que deixou o mundo consternado e abalado, o Flamengo se viu obrigado a refazer o planejamento da próxima temporada devido ao adiamento da 38ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Por esse motivo, os atletas retornarão das férias apenas no dia 11 de janeiro, inviabilizando a participação na fase Challenge da competição, que ocorrerá dos dias 8 a 15 de janeiro.

A pré-temporada será realizada no novo módulo profissional do CT George Helal. O Flamengo agradece a organização da Flórida Cup pelo convite e espera que no futuro possa participar da competição”.

Fonte: Lance

Padrão
Florida Cup

Flamengo terá que pagar a viagem caso vá para Flórida Cup

A partir do dia 8 de janeiro, Corinthians, Flamengo, São Paulo, Vasco, Internacional e Atlético-MG disputarão a Florida Cup nos Estados Unidos. Enquanto a maioria dos clubes bancará as despesas de viagem, a organização do torneio custeia apenas as despesas de Corinthians e Atlético-MG.

O UOL Esporte apurou que os dois clubes têm cotas de passagens e hospedagem custeadas pelos organizadores, e só precisam colocar a mão no bolso para despesas adicionais. Enquanto isso, clubes como Internacional e São Paulo bancam os gastos com os próprios cofres ou através de acordos com patrocinadores.

O Flamengo vive uma situação particular, já que a Adidas patrocina tanto o clube como o evento, e por isso arca com os custos da viagem. As informações foram confirmadas à reportagem por membros da diretoria dos clubes participantes.

Os clubes que decidem pagar para participar da competição preferem entrar na competição com o objetivo de valorizar a marca no exterior, especialmente nos Estados Unidos, onde o futebol tem ganhado cada vez mais espaço.

Além disso, a maioria consegue acordos publicitários que amenizam os gastos, como é o caso do São Paulo, que terá parte das despesas de hospedagens bancadas através de um acordo comercial, e ainda conta com uma companhia aérea, a Copa Airlines, como um de seus patrocinadores.

O Flamengo, por sua vez, conta com o grande subsídio da Adidas. O Internacional também é responsável por todas as suas despesas. O Vasco não respondeu às perguntas até a publicação da reportagem.

Por fim, os times também alegam que toda pré-temporada exige um investimento financeiro e que faz parte do planejamento anual investir em uma boa preparação no início do ano.

A organização da Flórida Cup informou à reportagem que não vai comentar o assunto por ter cláusula de confidencialidade no contrato com as equipes.

Fonte: Uol

Padrão
Florida Cup

Participação do Flamengo na Flórida Cup está sob risco

Cúpula do Flamengo discute se clube irá participar da Flórida Cup no ano que vem (Divulgação Flamengo)

A diretoria do Flamengo estuda a possibilidade de solicitar aos organizadores da Flórida Cup a não participação na edição de 2017. O clube brasileiro foi um dos convidados para participar do torneio amistoso que vem se tornando um dos principais do mundo e que acontece em janeiro nos Estados Unidos. Após aceitar o convite, o Rubro-Negro já pensou em uma retirada da competição por causa das mudanças ocorridas no calendário do futebol brasileiro devido ao acidente aéreo sofrido pela delegação da Chapecoense, que estava a caminho da Colômbia para enfrentar o Atlético Nacional na final da Copa Sul-Americana.

A última rodada do Campeonato Brasileiro, que seria neste fim de semana, foi adiada para o dia 11 de dezembro, quando o Flamengo vai enfrentar o Atlético-PR na Arena da Baixada, em Curitiba. Portanto, as férias do elenco flamenguista, marcadas anteriormente para a próxima segunda-feira (5 de dezembro), foram adiadas para 12 de dezembro, o que vai impactar na reapresentação, em janeiro, pois o clube pretende respeitar o período de 30 dias de férias dos jogadores.

Fla quer jogador do São Paulo

Caetano: Fla está no caminho dos títulos

Com isso, a reapresentação do elenco, que aconteceria no dia 5 de janeiro, será apenas sete dias depois, dia 12. No entanto, o Flamengo já teria de viajar para os Estados Unidos três dias depois do retorno dos atletas. Rodrigo Caetano explicou essas mudanças e a possibilidade de não participar da Flórida Cup.

“Vamos analisar a situação. O contrato com o torneio fala em cancelamento por motivo de força maior e não existe força maior do que essa. Portanto, vamos analisar o que vai acontecer em termos de calendário do futebol brasileiro. Muito se fala em cancelar a última rodada, ainda não tenho opinião formada sobre isso. Vamos aguardar para nos posicionar, mas, por enquanto, o planejamento segue paralisado”, disse Rodrigo Caetano, diretor-executivo do departamento de futebol.

Dentro de campo, o elenco participou de um trabalho tático nesta sexta-feira e depois foi liberado para dois dias de folga, se reapresentando na segunda-feira. Para o jogo contra o Furacão o time será definido na próxima semana. O técnico Zé Ricardo não poderá contar com o meia Diego, que cumpre suspensão por ter sido advertido com o terceiro cartão amarelo na vitória de 2 a 0 sobre o Santos. Outro desfalque provável é o zagueiro Rafael Vaz, que está com o braço imobilizado por conta de uma luxação no ombro direito. Réver deve formar zaga com Juan, enquanto que no meio a disputa está em aberto. Com 70 pontos conquistados, o Rubro-Negro precisa de um triunfo para garantir o vice-campeonato.

Fonte: FoxSports

Padrão
Florida Cup

Inclusão do Flamengo vira crise entre Globo e organização da Florida Cup

A inclusão do Flamengo seria uma das principais atrações na edição 2017 da Florida Cup. Em vez disso, virou motivo para uma crise entre os organizadores do torneio de pré-temporada e a TV Globo. A menos de dois meses do início, não há acordo para transmissão dos jogos que o time rubro-negro fará nos Estados Unidos. Existe até a possibilidade de as partidas não serem exibidas no Brasil.

Disputada desde 2015, a Florida Cup teve nove participantes neste ano – o Brasil foi representado por Atlético-MG, Corinthians, Fluminense e Internacional. Os organizadores fizeram um acordo com a Globo para cessão de direitos de mídia – um ano para TV aberta, com opção de renovação, e cinco edições para rede fechada (Sportv).

EBM: “Vamos renovar com Márcio Araújo”

Flamengo estaria próximo de atacante do Milan?

Botafogo negocia com Fla a compra dos equipamentos da Arena

Em agosto, os responsáveis pelo evento deram início a um plano de expansão. Incluíram o Flamengo, que foi colocado em um torneio chamado Challenge (com Atlético-MG, Bayer Leverkusen, Wolfsburg e Estudiantes). São Paulo e Vasco foram incluídos no Playoff, que também terá Corinthians, Internacional, River Plate e Millonarios (Colômbia).

Oficialmente, a explicação para a divisão do torneio é a agenda. O Challenge será disputado entre os dias 8 e 15 de janeiro e terá um sistema similar ao da Copa Davis de tênis (o título será dado ao país que somar mais pontos, e os times não enfrentarão rivais locais). As partidas do Playoff acontecerão entre 15 e 21 de janeiro, num formato de mata-mata.

Consultado pelo UOL Esporte, o Flamengo disse ter dado preferência ao Challenge por duas questões: além de ter preferido a agenda desse módulo, o time carioca tinha mais interesse de fazer partidas apenas contra rivais de outros países. A equipe rubro-negra não viaja aos Estados Unidos desde 2007.

A estratégia do clube e a justificativa oficial, porém, não contam toda a história. Quando conseguiram um acordo com o Flamengo, os organizadores da Florida Cup resolveram vender um segundo produto para a TV brasileira. Por isso, acomodaram os cariocas em um evento diferente do que havia sido feito em 2016.

A Globo não aceitou pagar mais uma vez por um evento que ela já havia comprado, ainda que o torneio tenha sido ampliado. Com isso, ainda não há certeza de que os jogos do Flamengo serão exibidos. Ao UOL Esporte, clube e responsáveis pela Florida Cup disseram que as negociações persistem. Entretanto, fonte ouvida pela reportagem apontou que a chance de acordo é remota no atual formato.

Um dos principais motivos para a chance remota de acordo é justamente o desgaste motivado pela negociação. A tentativa dos organizadores de vender um segundo produto para a TV criou um problema entre as partes.

Organizadores negam crise de relacionamento com TV

Procurados pela reportagem, os responsáveis pela Florida Cup negaram que exista uma crise de relacionamento com a TV Globo. Afirmaram que o contato com a emissora sempre foi “transparente” e “muito bom”. A empresa de comunicação também foi interpelada, mas não respondeu até o fechamento do texto.

Clubes brasileiros pagam para disputar Florida Cup

Apesar de ser uma grande chance de exposição no mercado dos Estados Unidos, a Florida Cup ainda não é um bom negócio para os times brasileiros no aspecto financeiro. Ninguém recebe para disputar a competição, e os participantes têm de custear estadia e viagem.

O Flamengo é uma exceção. O time brasileiro só aceitou jogar o torneio depois de ter certeza de que isso não representaria um custo. A Adidas, patrocinadora rubro-negra e do torneio, vai contribuir com verba e ainda bancará ações de marketing nos Estados Unidos.

Fonte: Florida Cup

Padrão
Florida Cup

Datas e horários dos jogos da Flórida Cup

A organização da Florida Cup definiu detalhes dos jogos da edição 2017 do torneio. Atual campeão, o Atlético estará em uma disputa entre países no ano que vem e fará a estreia contra os alemães do Bayer Leverkusen, dia 11 de janeiro, às 22h (horário de Brasília), no Complexo ESPN Wide World of Sports, em Orlando.

Ao lado do Flamengo, o Atlético representará o Brasil no ‘Challenge – Clash of Nations’, uma disputa entre países, como acontece na Copa Davis, no tênis. Jogam pela Alemanha Bayer Leverkusen e Wolfsburg, enquanto Tampa Bay Rowdies e Estudiantes atuam pela parceria Estados Unidos-Argentina.

Todos os times vão pontuar para seus respectivos países. A vitória vale três pontos, empate um, e a equipe que vencer nos pênaltis ganha um ponto extra. Esta primeira parte da Florida Cup acontecerá entre os dias 7 e 14 de janeiro.

No outro formato, entre 15 e 21 de janeiro, acontecerá o tradicional mata-mata, onde as equipes duelam e quem perder é eliminado. Participam deste modelo de disputa Corinthians, São Paulo, Vasco, Internacional, River Plate-ARG, Barcelona de Guayaquil-EQU, Shangai Sipg-CHN e Millonarios-COL.

Confira a tabela do ‘Challenge – Clash of Nations’ da Florida Cup 2017:

Padrão