Campeonato Brasileiro 2016

Que venha 2017

A escalação

Flamengo: Alex Muralha; Pará, Réver, Juan e Jorge; Márcio Araújo (Mancuello, aos 26/2ºT), Willian Arão, Alan Patrick (Felipe Vizeu, aos 33’/2ºT), Gabriel, Éverton; Guerrero (Leandro Damião – intervalo). Técnico: Zé Ricardo.

O jogo

Sonolento, melancólico, despretensioso, assim foi o jogo entre Atlético PR x Flamengo, pela última rodada do Campeonato Brasileiro de 2016.

O time carioca, passou as últimas duas semanas, falando da importância de terminar no 2º lugar, para poder conseguir as premiações que a posição lhe presentearia.

O jogo então se tornou: O Jogo dos 3 milhões de reais (quantia que diferencia a 2ª da 3ª colocação).

Mas em campo o que se viu, foi muito pouco. Com pretensões de disputar a libertadores, esperava-se um Atlético PR, mais agressivo e o que se viu, foi um time apático, medroso e que respeitou demais a equipe rubro-negra, deixando assim, o jogo muito burocrático.

Atlético-PR x Flamengo

Em campo, apenas o lateral Léo do Atlético (com uma passagem horrorosa pelo Fla), parecia querer provar algo (ou se vingar de algo).

Com entradas duras e até maldosas, em duas oportunidades quase tirou o lateral Jorge de campo, recebeu cartão amarelo merecidamente.

Já Lucho, jogador argentino do time do Paraná, conseguiu. Com uma entrada criminosa, tirou Guerrero do jogo.

mancuelloMancuello

Mancuello, finalmente teve a oportunidade de jogar e pegou um juiz “implicante”. Primeiro, atrapalhou o gringo, numa jogada de contra-ataque. E tomou um esporro daqueles de Mancuello.

Depois, num lance totalmente casual e sem querer, deu cartão amarelo, porque a bola tocou em seu braço. Em seguida, em outra jogada normal, de jogo, aproveitou e pareceu se vingar dos berros que o argentino desferiu contra ele, quando o mesmo o atrapalhou e expulsou o jogador do Fla.

Isso foi o que de mais movimentado aconteceu na partida.

A vice liderança

O Flamengo parece mesmo não gostar da vice colocação e não se esforçou para consegui-la.

Atlético-PR x FlamengoAlan Patrick se despede de forma melancólica, provando mais uma vez, não ter o que é preciso para vestir o manto sagrado. Leandro Damião, como sempre, entrou e errou tudo que tentou – ainda não consigo entender porque a preferência por ele e não por Vizeu. Conseguiu terminar a temporada, sem marcar 1 gol sequer com bola rolando.

Pontos Positivos

Foi o último jogo de Alan Patrick, que retornará ao Shaktar.

Atlético-PR x Flamengo

Muralha fez mais uma exibição de gala. Defendendo tudo que chegou na sua meta, de forma segura e definitiva, sem rebotes. Ainda mostrou toda a sua habilidade, matando um perigoso recuo de bola no peito e despachando de primeira.

Enfim, Zé Ricardo enxergou que sem Márcio Araújo, o time pode produzir mais. Sim! Isso aconteceu. Zé Ricardo tirou o vil 1º volante rubro-negro, para a entrada de Mancuello.

Zé Ricardo iniciará uma pré-temporada com um time profissional pela primeira vez, em janeiro. Vamos esperar que ele consiga enxergar o óbvio e colocar em campo os jogadores que realmente se destacam nos treinamentos.

Que venha 2017!

Anúncios
Padrão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s