Especulações

Inter: Felipe Melo faz as malas

Inter, Felipe Melo faz as malas

A aventura de Felipe Melo em Milão, onde ele usava a camisa do Inter no último ano e meio, parece definitivamente no final.

O brasileiro, que não tem encontrado espaço com de Boer, está em contato com o Flamengo, interessado em traze-lo de volta à sua terra natal.

Conforme relatado pelo Globoesporte, o pai do ex-Juventus está considerando a opção brasileira neste momento. Janeiro está próximo e Melo mais longe da Itália.

Fonte: Sportal.it

Anúncios
Padrão
Campeonato Brasileiro 2016

O melhor Guerrero possível

O momento flamenguista é uma montanha-russa de sensações. Há o aspecto negativo, que mostra uma curva descendente, pois o time tem os piores resultados nas últimas cinco rodadas entre os cinco primeiros colocados (oito pontos, assim como o Galo; o Palmeiras tem 10; Santos e Botafogo são os melhores, com 13), além de ter também o maior jejum – três jogos sem vitória.

As folhas do calendário voam sem piedade e a distância para o Palmeiras, apesar de ter diminuído nesta rodada, é maior do que era três rodadas atrás. É preciso sacar seis pontos em cinco rodadas, já que a esquadra de Cuca leva a melhor nos critérios de desempate. Se a tendência de título palmeirense parece cada vez mais irreversível, a notícia auspiciosa para os rubro-negros é que nos últimos jogos estão assistindo àquele Guerrero que imaginavam desde a contratação do peruano.


(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)

A atuação de Paolo Guerrero no enfartante embate diante do Galo, que acabou deixando ambos um pouco desasados nas ambições de título, é daquelas definidoras de alguém que nasceu com a camisa 9 tatuada nas costas – movimentação, finalização, excelência no jogo aéreo, assistência e, claro, gol. Um tormento para os zagueiros, que, traumatizados, devem ter receio até de abrir a porta do banheiro na manhã seguinte, com medo de que Guerrero esteja lá os encarando e desmontando na base do pavor a carranca de sono.

Sem interesse do Flamengo, Fernandinho pode voltar a ser uma ‘moeda de troca’

Flamengo acerta bases salariais com craque do Inter

A questão a ser considerada no horizonte flamenguista é que talvez este seja o máximo Guerrero possível. Já seria muito, claro, afinal contar com um atacante deste naipe é privilégio de poucos clubes. O que não se pode é exigir que o peruano seja um regente de orquestra que carregue o time nas costas – ele será sempre, no máximo, um violinista virtuoso e estridente, capaz de ensurdecer cães e zagueiros. O salário recomenda a ilusão; o histórico e as características, não. Mesmo na ponta dos cascos, Guerrero talvez não seja o craque do campeonato, mas tem potencial para ser o melhor centroavante.

As constantes convocações, algumas lesões e a fase irregular fizeram com que o Flamengo se visse impedido de contar com o melhor Guerrero possível durante quase todo o campeonato. O peruano hoje tem apenas oito gols, cinco atrás de Fred, artilheiro da competição. Mas três desses gols foram marcados nas últimas duas rodadas, e com atuações em grande nível, o que mostra a ascensão do matador e permite aos flamenguistas se entusiasmarem, com razão. O problema é que o relógio biológico de Guerrero se atrapalhou no timing: a hora certa, o momento ideal, seria umas rodadas atrás.

Fonte: Globoesporte.com

Padrão
Especulações

Sem interesse do Flamengo, Fernandinho pode voltar a ser uma ‘moeda de troca’

Fernandinho revive algo que já o acompanha há algum tempo: a incerteza sobre qual será seu futuro profissional. Com desejo de permanecer no Flamengo, mas sem qualquer movimento do clube até agora para isso, o jogador pode voltar a ser usado como “moeda de troca” no Grêmio.

Flamengo acerta bases salariais com craque do Inter

Donatti no Racing?

O vínculo do atacante com o clube carioca vence no fim de dezembro deste ano. Não houve, segundo o presidente gremista Romildo Bolzan Júnior, qualquer contato com intenção de renovar o período de empréstimo ou exercer a cláusula de compra dos direitos do atleta. As duas alternativas são viáveis do ponto de vista gaúcho. O clube de Porto Alegre não tem como objetivo o retorno de Fernandinho.

Resultado de imagem para fernandinho flamengo

Não passa pelo planejamento do clube ter ele novamente à disposição do comando técnico, seja com Renato Gaúcho ou com outro técnico no ano que vem. Tudo porque o controle financeiro seguirá pautando as movimentações do clube.

Com o acerto entre Flamengo e Vitinho praticamente sacramentado, o time rubro-negro, não deverá gastar “platas” com Fernandinho.

Padrão
Campeonato Brasileiro 2016

Flamengo acerta bases salariais com craque do Inter

Poucas horas depois de enfrentar o Internacional, em 16 de outubro, o Flamengo se reuniu com o pai de Vitinho para mostrar seu interesse em tê-lo no clube em 2017. As conversas avançaram ao ponto de as duas partes já terem chegado a um acordo salarial. Mas para a transferência ser concluída faltam algumas questões importantes. A principal delas é o CSKA, com o qual o atacante tem contrato até 2018.

Resultado de imagem para vitinho

O clube russo inicialmente só aceita negociar Vitinho em definitivo. No entanto, a esperança do Flamengo é de que o atacante acerte a extensão de seu contrato com o CSKA para depois ser emprestado. A prioridade de compra, entretanto, é do Internacional, com o qual o jogador tem vínculo até dezembro de 2016.

Donatti no Racing?

Ederson não joga mais em 2016

Depois de comprar Vitinho do Botafogo por em 2013 por € 10 milhões (cerca de R$ 30 milhões na época), o CSKA estabeleceu € 11 milhões (quase R$ 37,5 milhões) como o valor pelo qual pretende vender o jogador. Como tem a prioridade de compra, o Internacional pode garantir a permanência do atacante se pagar € 8 milhões (aproximadamente R$ 27 milhões). Para isso, o clube precisaria contar com o auxílio de um investidor, que neste caso seria o Grupo DIS.

Resultado de imagem para vitinho

Outro complicador são as eleições presidenciais do Internacional. A indefinição quanto ao comando do clube em 2017 vem atrasando as negociações da permanência de Vitinho, que já mostrou ver com bons olhos a permanência no clube. O certo é que, depois de firmar dois contratos de empréstimo desde o ano passado, o Colorado só terá o atacante em definitivo.

Esta não é a primeira vez que Vitinho está nos planos do Flamengo. Em 2014 houve uma aproximação entre as partes, mas o CSKA não liberou o atacante, que na época também interessou a Internacional, Botafogo e Fluminense.

Fonte: Globoesporte.com

Padrão
Especulações

Donatti no Racing?

Segundo o site Racing.com.ar, o zagueiro recém chegado ao time do Flamengo Alejandro Donatti, estaria nos planos do time para reforçar sua zaga.

Resultado de imagem para alejandro donatti flamengo

A reportagem do site, destaca as poucas oportunidades que o zagueiro vem tendo no time rubro-negro e aposta numa possível insatisfação do atleta para conseguir a sua contratação.

Ederson não joga mais em 2016

Flamengo fecha parceria com empresa para equipar Ninho com televisores

Por outro lado, sabe que o contrato do zagueiro tem valores milionários (palavra usada pelo próprio site), para os padrões atuais argentinos e deve ser uma empreitada muito difícil.

Vale lembrar ainda, que o zagueiro chegou a brigar com seu antigo clube, para ser negociado para o Flamengo.

 

Padrão
Campeonato Brasileiro 2016

Ederson não joga mais em 2016

A imagem de Ederson se contorcendo de dor no gramado da Arena Corinthians deve ser a última do camisa 10 do Flamengo em campo. O departamento de futebol prefere não falar abertamente em respeito ao atleta, mas internamente a expectativa é de que o jogador não entre mais em campo nos últimos seis jogos da temporada. A entrada de Fagner, dia 3 de julho, na derrota por 4 a 0 para o Corinthians, determinou mais um longo afastamento do jogador. O tratamento inicial com fisioterapia e fortalecimento muscular não deu resultado – a previsão era de 40 dias afastado – e o jogador se submeteu à artroscopia no joelho há quase dois meses. As dores e a cautela em mais uma recuperação física minam as chances do jogador em meio à disputa do título em 2016.

Quase quatro meses se passaram desde a lesão sofrida no jogo diante do Corinthians, ainda no primeiro turno. A expectativa era de que Ederson, mesmo após cirurgia, pudesse se juntar ao elenco rubro-negro e ser mais um trunfo no restante da temporada. No entanto, a recuperação do meia vem de desenhando de forma mais lenta do que o esperado.

Alan Patric e Ederson acompanham treino do Fla (Foto: Gilvan de Souza (Flamengo.com.br))Alan Patric e Ederson acompanham treino do Fla (Foto: Gilvan de Souza (Flamengo.com.br))

– Óbvio que a gente gostaria que de repente tivesse num momento já até um pouco mais avançado (da recuperação), mas a gente está respeitando a evolução do atleta. Ele tem evoluído dia a dia, isso é importante. A gente aqui no Flamengo tem como conceito de só liberar o atleta quando ele realmente estiver 100%. Então, como ele ainda tem algumas queixas de dor, algumas questões de incapacidade funcional, a gente está fazendo reequilíbrio muscular dele. A gente está no momento desta fase de transição, mas ele só vai voltar quando estiver se sentindo 100% – disse o chefe do departamento médico do Flamengo, Márcio Tannure.

A cirurgia de Ederson ocorreu no dia 7 de setembro. O procedimento foi realizado pelo ex-médico do Flamengo, José Luiz Runco. Segundo Runco, tudo saiu normalmente, tanto na operação quanto no pós-operatório. O especialista reforça que cada paciente tem um tempo de recuperação distinto do outro.

– Não estou acompanhando (de perto), eu o operei, vi o pós-operatório, e ele estava evoluindo bem. Não sei se há algo na parte física. Mas foi tudo normal no pós-operatório. Na última vez que o vi, ele tinha uns 15 dias de operado e estava no trabalho de musculação, fazendo o recondicionamento muscular. Há casos e casos (de retorno) – disse Runco.

No início do ano, em entrevista coletiva ainda na pré-temporada, o médico do Flamengo mostrava empolgação com a preparação de Ederson para o ano de 2016. Tannure dizia que o camisa 10 começaria do zero para viver o melhor ano da carreira. Nos bastidores, o clube se preocupa em dar apoio ao jogador, que veio com histórico de lesões e não conseguiu ter sequência no Flamengo. No Brasileiro deste ano, Ederson jogou em sete partidas.

Confira a entrevista com o chefe do departamento médico do Fla, Márcio Tannure

Faz quase quatro meses da lesão de Ederson contra o Corinthians. Um tempo prolongado pela expectativa inicial. Como está o tratamento?
Ele está bem. A gente tem que respeitar a individualidade do atleta. Óbvio que cada lesão tem um prazo médio de recuperação, e a gente tenta se basear nisso. Sabendo que, como é um prazo médio, tem uns que podem se recuperar antes até e outros depois.

Ederson treino Flamengo (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)Em foto da semana passada, Ederson faz trabalho leve com a bola no Flamengo (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

Ele ainda não voltou a trabalhar no campo?
Ele já começou a fazer alguns trabalhos no campo. Mas muito de leve. O trabalho dele tem sido muito mais interno, de reequilíbrio muscular, condicionamento… Muito mais do que no campo. Apesar de já ter começado ontem.

Por todos esse cuidados, é possível dele voltar ainda este ano?
A gente vai trabalhar para isso. É difícil dar uma previsão. Porque a última previsão que a gente deu já não se concretizou. Óbvio que a gente vai fazer todo o esforço. A gente espera contar com ele neste ano. É nosso pensamento, nossa vontade. Só que tem que respeitar a individualidade de cada um e do atleta. Mas todo esforço vai ser feito para isso, pode ter certeza.

Já passaram quase dois meses da artroscopia, que, na média, afasta o jogador na metade desse tempo. Pode explicar como decidiram pela necessidade da cirurgia?
Na verdade, ele fez a artroscopia porque ele teve múltiplas lesões em função daquela entrada, do trauma. A gente esperou um pouco para fazer porque estava com edema ósseo. A gente esperou isso melhorar, para que pudesse diferenciar se a dor que ele sentia era de uma lesão meniscal, que apareceu junto, ou se era edema ósseo. A dor persistiu, então foi optado fazer essa artroscopia, que foi realizada pelo doutor Runco. Para que fizesse essa correção dessa lesão meniscal. Foi feito. Agora ele se encontra nessa fase pós-operatória , e tem evoluído e vamos esperar. Fazer o máximo de esforço para que ele volte o mais breve possível . Ele teve algumas lesões diferentes. A artroscopia foi para tratar essa lesão do menisco dele.

Fonte: Globoesporte.com

Padrão
O Clube

Flamengo fecha parceria com empresa para equipar Ninho com televisores

Contrato com a japonesa Panasonic tem duração de quatro meses, e Rubro-Negro divulgará a marca de seu novo patrocinador nas mídias digitais

Além de ter preenchido todas as propriedades de sua camisa com os patrocinadores Caixa, IFood, MRV e Yes!, o Flamengo acertou nova parceria nesta semana. A empresa japonesa de eletroeletrônicos Panasonic equipará os módulos 16 e 17 profissional do Ninho do Urubu, ala do CT destinada ao elenco profissional, com televisores de última geração.

O contrato entre o Rubro-Negro e a Panasonic tem duração de quatro meses. A contrapartida do clube será feita em mídias digitais, onde divulgará a marca da nova parceira em campanhas e no relacionamento com seus torcedores.

“Mistura” de Tite e Muricy. Como Zé Ricardo controla o vestiário do Fla

Fla se reúne com dupla Gre-Nal para ter Fernandinho e Réver em definitivo

– O Flamengo tem buscado  parceiros de ponta para seu CT, tanto em tecnologia como em outras frentes que possam aprimorar a atividade esportiva. A parceria comprova que nosso conceito de ir além da camisa tem ainda muito espaço pra crescer. É uma conquista ver que os parceiros começam a valorizar outros pontos de interação com o público e com os torcedores – afirmou Daniel Orlean, vice-presidente de marketing do Flamengo.

A conclusão dos módulos 16 e 17 está prevista para o dia 15 de novembro, quando o clube completará 121 anos.

Fonte: Globoesporte.com

Padrão